Aerosmith começa a gravar novo disco

 

Depois de longa espera os fãs do Aerosmith podem ficar felizes. Desde 2004 sem gravar nenhum álbum de stúdio, na semana passada Steven Tyler, o guitarrista Brad Whitford, o baixista Tom Hamilton e o baterista Joey Kramer se encontraram e começaram a produzir as primeiras canções do tão aguardado CD.
Joe Perry não participou desse pois tinha outro comprimisso que não foi revelado a mídia.

Agora é aguardar e ver o resultado!

Fonte: G1

Bloco formado por mulheres abre o ano com sambão

Os eventos deste ano já estão encerrados, mas já dá para marcar na agenda: em janeiro recomeçam as atividades do “Saias na Folia”. A partir do dia 22, serão iniciados os ensaios técnicos, que acontecerão semanalmente aos sábados, a partir das 16h, até o dia 19 de fevereiro. O bloco não tem quadra, mas desde o início de 2010 realizam seus eventos no Bar Bloco C, localizado na esquina das ruas Visconde de Sepetiba e Rua Marechal Deodoro, no Centro. Em 8 de março, Dia Internacional da Mulher, o “Saias” põe o bloco na rua, abrindo o Carnaval das Escolas de Samba de Niterói, na Rua da Conceição.

Fundado em 2009, o G.R.B.C. & Cultural Saias na Folia é um grupo de mulheres dispostas a acabar com o “machismo” no meio do samba. A presidente Rita Diirr descreve o projeto como uma “valorização profissional de mulheres envolvidas com música e com o carnaval”. Para ela, é o bloco mais “charmoso” da cidade, trazendo na bandeira feminina as cores amarela, lilás e coral.

“Todas as envolvidas no bloco já tinham ligação com o cenário cultural da cidade”, explica Rita, que é conselheira de Cultura de Niterói e produtora de eventos. As outras componentes se alternam em funções como assessora de imprensa, compositoras, professoras e musicistas, todas interessadas em fazer parte da história do samba de Niterói. “Somos o primeiro bloco que tem a primeira mestre de bateria mulher, Thalita Santos”, comemora a presidente.

Em 2011, o enredo “Margarida na folia apresenta as flores do carnaval” traz uma novidade: pela primeira vez os homens estão convidados para acompanhar e celebrar o aniversário do bloco, que “é uma marca de quem vai à luta, sem perder a ternura jamais”, defende Rita.

Fonte: http://www.folhanit.com.br/